segunda-feira, outubro 30, 2006

Vamos começar....

Gosto imenso de cozinhar, embora, em abono da verdade, não me possa considerar grande cozinheira. Esta foi uma paixão que surgiu tardiamente na minha vida e, como tal, não sou "dona" de uma grande variedade de pratos. Devo dizer que comecei a cozinhar quando a minha filha nasceu (ela hoje tem 12 anos), obrigada! Na altura, nem um ovo sabia estrelar.
Hoje em dia, adoro cozinhar, sobretudo naqueles dias em que tenho tempo! E só tenho pena de realmente não saber mais!
Mas, como procuro variar nos cozinhados que faço, leio revistas e livros de culinária e exprimento muita coisa. Nem sempre com sucesso :)
Há pouco tempo descobri os blogs culinários e tornei-me fã. Então lembrei-me: porque não relatar as minhas experiências. É isso que vou tentar fazer! Espero que gostem. Aviso: aceitem-se reclamações!

Vou começar com um prato que adoro! Adoro mesmo! E esta é uma receita da minha mãe.


Arroz de cabidela:

Começa-se por fazer um refogado de cebola em azeite. Quando a cebola começar a alourar, junta-se um pouco de água e a galinha partida aos pedaços (com frango, mesmo que seja do campo, não é a mesma coisa! Vai-se mexendo de vez em quando e, ao começar a evaporar a água, junta-se um copo de vinho branco. Quando este começar a evaporar, vai-se juntando vinho, até a galinha ficar bem cozinhada, cerca de uma hora (ou um pouquinho mais). Tempera-se de sal e junta-se água para fazer o arroz, tendo em atenção que ele deve ficar malandrinho.
Quando a água começa a ferver, junta-se o arroz. Quando este estiver quase cozido, junta-se o sangue da galinha, ao qual previamente se misturou o vinagre. Fica uns três a quatro minutos na panela, rectifica os temperos e serve. Bom apetite!

Sem comentários: