terça-feira, novembro 27, 2007

PASTA NO FORNO COM TOMATE E MOZARELLA



Adoro massas. De qualquer maneira!!! Por isso, aqui há uns tempos decidi comprar um livro do Jamie Olivier, cujos programas não aprecio muito, mas porque era sobre cozinha italiana! Desse livro ("Jamie Olivier - Cozinha na Itália", da editora Civilização) já fiz este prato, cujo resultado apreciei bastante. Vou colocar a receita com as quantidades que vêm referidas no livro, embora as tenha adaptado às necessidades cá de casa.

Ingredientes
- sal e pimenta preta q.b.
- azeite q.b.
- 1 cebola picada
- 2 dentes de alho laminados
- 1 ou 2 malaguetas secas picadas (não usei)
- 1,5 kg de tomates maduros ou três latas de 400 g cada de tomate em calda
- folhas de manjericão
- 400 g de orecchiette (usei penne)
- 4 mãos cheias de parmesão ralado na hora
- 3 bolas de mozzarela

Confecção
Cozer a massa, seguindo as instruções da embalagem. Enquanto isso, deite numa panela azeite, a cebola, o alho e a malagueta e refogue em lume brando até a cebola ficar transparente. Se usar tomates frescos, tire a pele e as sementes epique-os grosseiramente. Deite os tomates frescos ou de conserva (usei de conserva) ao refogado de cebola e junte um copo pequeno de água. Coza em lume brando cerca de 20 minutos, depois de levantar fervura. Passe-os por um liquidificador. Adicione, então, as folhas de manjericão, umas gotas de vinagre, pimenta e rectifique os temperos. Leve ao lume ate voltar a ferver.
Depois da massa cozida e escorrida, adicione um pouco de molho do tomate e uma mão cheia de parmesão e envolva bem. Unte um tabuleiro que possa ir ao forno com um pouco de azeite e, nele, ponha uma fina camada de massa. Cubra com molho de tomate, polvilhe bem com o parmesão ralado e uma camada de mozarella partido às fatias finas. Repita as camadas por esta ordem, acabando com uma boa camada de queijo parmesão. Leve ao forno pré-aquecido cerca de 15 a 20 minutos (200º).

Bom apetite!!!

sexta-feira, novembro 23, 2007

COMIDAS DA ELIANA

Esta foi uma semana muito corrida, com quase nenhum tempo para a cozinha. Mas, para não estar a repetir sempre as mesmas coisas, socorri-me do blog da querida Eliana e, de lá, tirei este puré de batata, que ficou muito bom, e um bolinho, que apesar de não me ter corrido na perfeição (decidi fazê-lo numa forma amovível e começou a verter o caramelo, assim como a massa), como podem ver pela foto, estava muito bom de sabor. Cá em casa foi tudo aprovado!!!!
Então aí vai

NHOQUE DE BATATA


Ingredientes
- Puré de batata (compro sempre do congelado)
- molho de tomate (tinha um resto congelado)
- 1 gema de ovo
- 1 pitada de noz-moscada
- 2 colheres de sopa de queijo parmesão
- manteiga q.b.
- sal
- queijo mozarela

Confecção
Fiz o puré conforme as instruções da embalagem, mas, no final adicionei a gema de ovo, um bocadinho (muito pouco) de manteiga e o queijo parmesão ralado. Mexi bem e temperei com um bocadinho de sal e uma pitada de noz-moscada. Coloquei o puré numa travessa de ir ao forno, cobri com o molho de tomate e polvilhei generosamente com queijo mozarela. Cobrir com uma folha de alumínio e levar ao forno pré-aquecido (180º) mais ou menos 20 minutos. Muito bom...

BOLO INVERTIDO DE MAÇÃ


Ingredientes
- 2dl de iogurte natural
- 4 ovos
- 2 chávenas (chá) de farinha
- 1 chávena (chá) de açúcar
- 1 dl de óleo
- 1 colher (sopa) de fermento em pó
- 3 maçãs cortadas de meia-lua finas (usei reineta)
- canela q.b.
Para a calda:

- 1 chávena (chá) de açúcar
- 2 dl de água quente

Confecção

Comece por fazer a calda, levando o açucar ao lume moderado até começar a ficar castanho. Junte a água quente e deixe ferver até dissolver todos os torrões de açúcar. Retire do forno e coloque por cima das maçãs dispostas na assadeira e polvilhadas com canela.
Entretanto, bata bem, em primeiro lugar, os ingredientes liquidos e em seguida os secos (reservando o fermento). Bata bem até a massa ficar bem lisinha. Junte o fermento e envolva suavemente. Coloque a massa com bastante cuidado sobre as maçãs e leve ao forno pré-aquecido (180º) cerca de 30 minutos(faça o teste do palito). Retire o bolo da assadeira ainda morno.

domingo, novembro 18, 2007

BOLINHOS DE MAIZENA


Domingo passado em casa a dar apoio à filhota que passou a tarde às voltas com a Matemática. Para a animar um bocadinho, decidi fazer estes bolinhos que antes eram muito frequentes aqui, mas que agora andavam esquecidos. Uma pena porque são realmente muito bons e muito fofinhos. Renderam 15 e não sobrou nenhum!!!

Ingredientes
- 2 ovos
- 140 g de farinha
- 5 colheres de sopa de farinha maizena
- 1 dl de óleo
- 5 colheres de sopa de natas frescas
- 6 colheres de sopa de leite
- 1 colher sobremesa de fermento
- 125 gramas de açucar
- 1 colher de sobremesa de extracto de baunilha (mas também pode ser raspa de limão ou de laranja)

Confecção
Separar as claras das gemas. Bater as claras em castelo e, quando estamos a meio deste processo, vamos adicionando o açucar aos poucos, sem parar de bater. Quando está bem incorporado, adicionamos as gemas (inteiras) e, sem parar de bater, o extracto de baunilha, o óleo, as natas e o leite. À parte, misturam-se bem as diferentes farinhas, que depois vamos adicionando aos poucos à massa sem parar de bater.
Deita-se o preparado em pequenas formas (não encher muito) e, se quiser, pode-se polvilhar com um bocadinho de açucar e leva-se ao forno, que deve estar bem quente, 15 a 20 minutos(180º).

Bom apetite...

segunda-feira, novembro 12, 2007

PEITO DE FRANGO COM NATAS E MOSTARDA


ESta é mais uma comida prática, por ser rápida, mas que não deixa de ser muito saborosa. Hoje foi com peitos de frango, que não fui eu que comprei, e aos quais era preciso destinar um fim. Apesar de achar o peito uma carne muito seca, tenho de admitir que ficou bastante bom. Mas, com pernas de frango ou mesmo bifes, fica bem melhor...

Ingredientes
- 4 peitos de frango
- sal e pimenta q.b.
- azeite ou manteiga
- 1 cebola pequena
- 1 colher de sopa de mostarda em grão ou de mostarda Dijon
- 1 copo de vinho branco
- 1 pacote de natas frescas (200ml)

Confecção
Levar uma panela ao lume com azeite ou manteiga e dourar bem os pedaços de frango de ambos os lados. Quando estiverem dourados, adicionar a cebola picadinha e deixar refogar a até a cebola começar a ganhar cor. Juntar então o vinho, tapar a panela e deixar cozinhar em lume brando uns 20 minutos ou até a carne estar macia.
Findo este passo, retirar a carne da panela. Juntar a mostarda, mexer bem durante uns dois minutos. Juntar as natas, rectificar o sal e voltar a introduzir o frango no tacho. Servir quente.
Bom apetite.

sábado, novembro 10, 2007

ENTRECOSTO NO FORNO


Muito simples, mas muito bom. Penso que esta é a melhor definição para o entrecosto feito desta forma. Aliás, de tão simples que é, considero que é mais uma dica do que propriamente uma receita.

Ingredientes
- 1 peça de entrecosto inteiro
- 4 a 5 dentes de alho
- 1 colher sobremesa de pimentão doce
- 1 ramo de salsa picada
- azeite q.b.
- umas nozes de manteiga
- 1 copo pequeno de vinho branco

- Misturar todos os ingredientes e temperar a carne. Se tiver tempo, deixe tomar gosto. Se não tiver tempo, leve logo ao forno e deixe assar (200º) durante cerca de 1 hora, regando com o próprio molho, e virando a carne de vez em quando. Se o molhor começar a faltar, borrifar com vinho branco.
Bom apetite!

quarta-feira, novembro 07, 2007

BOLO DE CENOURA, MAÇA E CANELA


Quando vi este bolo no neste blog, decidi que o havia de fazer. Este fim-de-semana, para aproveitar um resto de maçãs reineta que tinha na cozinha, meti mãos à obra e não me arrependi. É um bolo muito bom que foi aprovado cá em casa.

Ingredientes
- 4 maçãs reineta
- 2 chávenas de chá de açúcar mascavado
- 3 chávenas mal cheias de farinha
- 4 ovos
- 4 colheres sopa de óleo
- 1 colher chá fermento para bolos
- 1 cenoura pequena
- 1 colher chá essência de baunilha
- canela

confecção
Picar uma das maças descascada com a cenoura. As restantes maças (descascadas) partem-se em bocados, os meus não foram muito pequenos, e polvilham-se com canela. Separar as gemas das claras e bater estas últimas em castelo. Reservar. Bater bem as gemas com o açucar. Adicionar amistura de maçã com a cenoura, o óleo e a baunilha e bater mais um pouco. Juntar a farinha e o fermento e bater mais um pouco. De seguida, envolver suavemente as claras em castelo. Por fim, adicionar as maçãs com a canela e misturar com cuidado.
Verter o preparado numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha e levar ao forno pré-aquecido (180º) 30 minutos. Fazer o teste do palito.

Bom apetite...

quinta-feira, novembro 01, 2007

COELHO COM CERVEJA


Esta é uma sugestão simples, mas que resulta bastante bem, sobretudo para quem aprecia carne de coelho como eu. Fica bastante bom...


Ingredientes
- 1 coelho partido aos bocados
- 4 dentes de alho
- 1 cebola
- 1 ramo de salsa
- 1 colher sobremesa de pimentão doce
- 3 colheres de sopa de polpa de tomamte ou tomate frito
- 1 lata de cerveja branca
- sal e pimenta q.b.

Confecção
Fazer uma pasta com o alho, salsa picada e um fio de azeite. Temperar a carne com esta pasta e reservar no frigorífico pelo menos três horas (mais tempo, fica melhor).
Colocar azeite numa panela e dourar os pedaços de coelho de ambos os lados. Quando estiverem douradinhos, retirá-los e, na mesma gordura, refogar uma cebola picadinha, até começar a ganhar cor. Nesta altura, junta-se o pimentão doce (mexendo para que não se queime), assim como a polpa de tomate ou o tomate frito. Volta a adicionar-se o coelho e rega-se com a cerveja. Quando levantar fervura, reduz-se o lume para o mínimo, ficando a apurar 30 a 35 minutos.
Bom apetite!